domingo, 20 de agosto de 2017

DOM JOSÉ ANTONIO CELEBRA MISSA DE ENCERRAMENTO DA FESTA DE SÃO JOÃO EUDES



Com a Igreja Matriz Menino Deus tomada pelos paroquianos  ficaram encerrados, na noite passada, os festejos em honra a São João Eudes, cujo dia foi comemorado  ontem,  com a procissão, a reza do terço  e missa concelebrada, tendo como presidente dom José Antonio Aparecido Tosi Marques, arcebispo de Fortaleza, auxiliado pelos padres Luís Gabriel Mendoza (pároco), Juan Carlos (vigário), Johnja Lopez, Cristiano, da Diocese de Limoeiro do Norte, servindo na Paróquia de Aracati,  e Davi, pertencente aos Arautos do Evangelho, e o monsenhor Ildefonso, colaborador da Paróquia.

A celebração eucarística começou às 19 horas, logo quando terminou a procissão, coordenada pelo padre Juan Carlos e animada pelo movimento Terço dos Homens da Capela de N.Sra. do Perpétuo Socorro, que percorreu várias ruas do bairro Luciano Cavalcante, onde fica localizada a Igreja Matriz, começando pela Jaime Leonel. A Missa teve a duração de mais de uma hora. E, em seguida, convívio e encerramento dos festejos.

HOMILIA

A homilia de dom José Antonio –  o Evangelho foi proclamado pelo padre Cristiano – foi elogiada pelos fiéis católicos. Ele começa dizendo que os santos são irmãos unidos na mesma família, sendo uma parte no céu e a outra na terra. Os santos são “para nós um exemplo daqueles  que se deixaram guiar pela graça de Deus. Caminham conosco e intercedem por nós junto a Deus. Com seus ensinamentos nos impulsionam para caminharmos na santidade para chegarmos a vida eterna.” Dom José Antonio disse ainda na sua homilia, que nós somos responsáveis pela vida de uns com os outros para ajudar, apoiar a outro como Jesus nos amou. “São João nos diz que Deus mandou seu Filho para doar sua vida a todos, curou, deu esperança, ressuscitou os mortos, reuniu a família humana para vivermos bem e a consequência é que devemos amar os irmãos, pois quem ama o irmão ama a Deus”.

 São João Eudes fez sua vida em Deus. Vestiu-se de Jesus. Tinha compaixão pela Igreja” e aproveitou para citar Santo Agostinho que disse “Nós temos muitos pastores, mas todos são operários?” e volta a falar de São João Eudes: “ele tem um coração de Jesus e um coração de Maria e teremos o coração da Igreja. Ele preparou os sacerdotes na escola do Coração de Jesus e Maria e ela foi quem mais teve o coração como o de Jesus e nas suas missões foi refazer a vida dos cristãos mais distantes da  Igreja".

AGRADECIMENTO


No final da celebração, o padre Luís Gabriel aproveitou a oportunidade para agradecer a presença dos sacerdotes, citando o nome de cada, as pessoas que colaboraram com o êxito da festa, os fiéis, que prestigiaram os festejos e, finalmente a dom José Antonio Aparecido Tosi Marques, arcebispo de Fortaleza. 


Fonte: http://blogdasagradafamilia.blogspot.com.br/2017/08/dom-jose-antonio-celebra-missa-de.html

Nenhum comentário:

Postar um comentário